Vazio

large

 

Já é Junho e posso contar nos dedos quantas vezes abri meu coração nesse blog. Acho que tem se tornado cada vez mais difícil abrir o coração, encarar o silêncio, escrever com verdade. Tem sido difícil por a cabeça no lugar, parar. E o que eu mais desejo agora talvez seja saber parar, dar um freio na vida, respirar tranquilidade. Não tenho lágrimas nos olhos a algum tempo, o mesmo tempo que desbotei os cabelos, desocupei os armários e despi os pudores. De qualquer forma, não consegui evitar paixões, expectativas, o vazio no peito. E é esse vazio que não quero mais abraçar a noite, que não quero sambando no meu coração. É a falta do depois que ainda sinto. 

Anúncios
Artigo anterior
Artigo seguinte
Deixe um comentário

1 Comentário

  1. rafa

     /  16 de Junho de 2014

    Abrace o vazio, aquele vazio bom de descoberta. Fique sozinha, viaje sozinha, vá ao cinema, passeie no shopping, a maioria das pessoas passam a vida toda e não sabem quem elas são. Se perca pra se achar. Fique vazia pra se completar, porque dai vai exatamente saber daquilo que não quer pra sua vida, e encher seu copo com o que é necessário, e não desejado.

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: