Mutualidade

135451

 

 

Eu ainda acredito em mistérios que se encontram. Em silêncios que se escolhem. Numa magia que acontece quando a gente abre a boca e, quando fala, encontra morada no ouvido do outro. E quando o outro fala, canta ao nosso coração. Tenho cada vez mais certeza que o amor nasce das palavras. Da mutualidade de sentir igual.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s