ilusao

O que me dói mesmo é ver a pessoa que um dia tanto amei de repente se transformar em um monstro, me dói não reconhecer as atitudes, não adimirar mais sua personalidade. Me dói essa ausência, essa coisa muda que ficou entre nós dois. Será que eu termino transformando todos eles em mosntro ou é assim com todo mundo?

É dificil reconhecer que depois de nos conhecermos tão bem, somos apenas dois desconhecidos, e cada dia nos afastamos mais.  É uma dor apertadinha que ainda me persegue por todos esse motivos. Eu sinto vontade de dizer o quanto eu te odeio agora, o quanto você estragou com todo meu carinho, como eu queria dizer que você é um babaca sem palavra, e como você me fez sofrer com suas atitudes de um garotão de 20 anos.

E tudo que você sabe fazer é ser gentil quando eu ligo, quando eu reclamo e sou uma louca descontrolada, quando eu reclamo e sou uma mulher madura de apenas 22 anos te dando uma lição. Você não sabe como isso me irrita, essa sua “imparcialidade” tão polida, tão mediocre e sem vida. 

Acho que cansei de viver acreditando e depois desacreditar, é sempre assim? Não existe ninguém maduro o suficiente que me faça amá-lo mesmo quando diz que não me ama mais? Alguém que não me magoe, nem me faça sofrer mesmo depois que nossos caminhos não estiverem mais na mesma direção?

E eu que achava que esse alguém era você… que ilusão.

Anúncios

continuo acreditando

E vou dizer, estou no melhor momento para reconhecer isto, eu sou uma mulher boa pra cacete!  Eu sou divertida, feliz, leve, compreensiva, carinhosa, trabalho muito e vivo uma rotina alucinante. Eu cometo erros, ninguém está livre deles, mas eu aprendi a pedir desculpas a reconhecê-los. Eu busquei em muitos desses amores uma pessoa que me fizesse ser o melhor que eu podia ser, e não é que sem perceber eu me tornei essa mulher mesmo sem nenhum deles? Eu consegui sozinha, chegar onde um dia quis estar acompanhada, eu amadureci anos e anos com todas essas bizzarrices que a vida me fez passar, com todas essas quedas, com todas as vezes que meu coração se quebrou, se machucou. Eu vive muita coisa, escutei tantas outras e todas essas coisas juntas me fizeram chegar onde eu estou hoje, me fizeram ser quem eu sou hoje. E me nego a aceitar que seja só isso, que não existe um cara que faça todas essas coisas terem valido a pena, não é possível que todos eles sejam iguais.

Ah quer saber? Não é porque um ou dois babacas não souberam me amar, não souberam dar valor ao que criamos juntos que eu vou desistir. Eu continuo sendo uma mulher de verdade, eu ainda acredito no amor, na felicidade, na fidelidade, eu continuo acreditando em mim e em principes encantados, em flores, em felizes para sempre.

eu não queria dizer “até nunca mais”

É esse eterno clichê de que vai passar, porque eu sei que sempre passa e não é mentira. Mas continua sendo estranho, continua me tirando o sono, entrando em meus sonhos, zanzando na minha vida. Continua rindo da maneira como me atrapalho com tudo, continua rindo do meu tom irônico ao interpretar as situações, adimirando o modo com que eu olho para o mundo, continua ali, me desejando sempre bem.

E vai embora sem que eu diga absolutamente nada, porque eu nunca consegui dizer adeus, nem só pra mim, nem baixinho no quarto, nem no meu coração. Porque acho adeus um desligar-se de verdade um “até nunca mais” e eu não queria dizer “até nunca mais”, eu não queria dizer nada.

olhos tortos

Tenho os olhos meio tortos, a mente meio esquecida, o coração meio vazio. Eu sou aquele tipo de pessoa que só quer ser feliz. Quero um amor tranquilo e sincero, uma vida cheia de floresinhas e pessoas que me ajudem a superar as dificuldades. Quero reconhecer a cada instante que a vida pode ser o que eu quiser que ela seja, e que isso só depende de mim. Quero poder olhar pra mim e me respeitar, me amar, e assumir que ninguem pode me amar melhor que eu. Quero cada vez que o amor do outro me faltar que eu tenha maturidade pra entendder os planos de Deus. Não quero construir uma vida por estradas tão certas e sem aventura, quero viver tudo que tenho pra viver, mesmo que isso me faça sofrer em alguns momentos. Quero ser eu mesma todos os dias, quero rir de mim, quero esperimentar a liberdade e o desapego nem que seja por um minuto, e quero guardar este sentimento dentro de mim, pra sempre.

orações

Me peguei fazendo orações escritas. Simplesmente comecei a colocar tudo pra fora escrevendo, como um desabafo que não se pode dizer a pessoa mais íntima, como aquele choro que a gente só chora no escuro da noite. É apenas uma confição, a mim mesma, de tudo que sinto.
Escrevi: “sinto saudades, eu ainda choro, ainda estou triste e sinto sua falta.”
Não, essas coisas não passaram depois que escrevi, nem me sinto muito melhor depois disso. Mas me sinto mais inteira, mais verdadeira quando leio e penso: “Esta sou eu sofrendo.”
E agradeço a Deus todos os dias por doer, me sinto mais humana.

esmalte

Pinto as unhas porque gosto delas bem feitas, mas é incrível como até isso me lembra você, como me lembra todas as coisas que você disse para eu me parecer especial, para eu me sentir a mais especial e hoje soa como uma grande mentira.
Essa tristeza e essa saudade não me consomem todos os dias, ficam escondidas entre a alma e o coração, num espaço agora vazio, as vezes até acho que passou, mas tem o esmalte, tem a praia, tem os sonhos e todas as lembranças pra fazer eu reconhecer o quanto você ainda está presente na minha vida, o quanto é real seu cheiro nos meus sonhos e como é real todas as coisas que te digo neles.
É uma tristeza mais madura que todas as outras que passei, porque eu consigo trabalhar (mesmo que me lembre de você 3 das 6 horas que estou ali), eu consigo sair só, consigo sair com os amigos, eu ainda vejo graça na vida mesmo sem você, eu consigo me levantar da cama mesmo querendo ficar ali só pra acreditar que está tudo bem.
E vou dizer, não me sinto uma idiota por sentir todas essas coisas, por ter coragem de escrever o que sinto. É só uma saudade, uma lembrança, um não saber o que fazer agora. É um momento de fraqueza onde adimito que o mundo ficou grande de mais só pra mim.